26/03
Doctor Feet espera abrir 20 unidades este ano

São Paulo - A possibilidade de parcelar o investimento médio de R$ 300 mil em até quatro vezes, além de ter o Banco Santander com linha de crédito para ajudar no financiamento, são as facilidades que vêm atraindo investidores para a Doctor Feet. Assim, a rede espera chegar a 20 novas lojas ainda este ano.

Hoje, a empresa tem mais de 80 unidades espalhadas pelo País, sendo apenas duas próprias. Com os diversos tratamentos para os pés e a venda de produtos voltados à podologia, a empresa estima ter faturado ano passado cerca de R$ 48 milhões. Este ano, a meta é crescer de 10% a 15% em cima desse valor.

Ao DCI, o gerente de expansão da marca, Mário Gasperini, afirmou que a empresa está com planos arrojados e conta com estratégias que apoiam o projeto de expansão com um viés estruturado. "Escolhemos 2015 como o ano dos ajustes de processos e procedimentos, aliados à satisfação dos que compõe a nossa rede. E ainda assim conquistamos 12 novos franqueados. Para 2017, a ideia é ter o processo acelerado."

Para Gasperini, outro ponto que vai indicar um fortalecimento na empresa durante este ano de crise econômica é que o mercado de tratamentos estéticos, saúde e bem-estar é o que sempre sofre menos com as instabilidades, apontou. "Afinal, todo mundo quer se sentir bem o tempo todo. E a beleza dos pés também é assim, além dos tratamentos corretivos", afirmou ele.

A respeito de se vale a pena estruturar a companhia para explorar a internacionalização do negócio, o gerente de expansão acredita que tudo tem a hora certa. "Temos planos de expandir para fora do País, mas ainda há muito que explorar no Brasil. Com o envelhecimento da população e com a constante busca de melhoria da qualidade de vida, a Doctor Feet ainda tem muito para crescer aqui", ressaltou.

Segundo o executivo, a companhia hoje atende a mais de 80 mil clientes por mês, sendo que o serviço mais procurado é aquele voltado ao tratamento tradicional completo, que inclui o corte técnico das unhas, a remoção de calos e de calosidade, entre outros procedimentos. "Mas dentre os cuidados preventivos, a novidade da argiloterapia [hidratação profunda com argila] e da reflexologia [massagem relaxante] têm sido bem procurados."

O tíquete médio é R$ 95 e o perfil de clientes da Doctor Feet é predominantemente pessoas de 25 a 70 anos, tanto homens como mulheres. Outra curiosidade da clientela é que boa parte são pessoas que se preocupam com a saúde: "Por nosso conhecimento especializado com os pés , somos referências para praticantes de esportes, além de idosos e de diabéticos, entre outros".

Marketing

Os investimentos em marketing anuais da Doctor Feet são baseados em uma programação anual. A rede possui um calendário onde divide os determinados tipos de ações. A respeito de sua posição no mercado, a companhia garante que foi a pioneira em construir um varejo de podologia, que antes não era profissionalizado. Antes da fundação da Doctor Feet, em 1998, os profissionais podólogos trabalhavam normalmente dentro de salões de beleza ou com atendimento em domicílio.

"Com a chegada da Doctor Feet ao mercado, o varejo ganhou lojas com tratamento especializado em serviços preventivos e corretivos, além da venda de produtos médicos, ortopédicos e estéticos." O próximo passo será ampliar o canal de vendas on-line.

Camila Abud

Fonte: DCI
Compartilhe: